Hospital Geral do Estado assiste 204 pessoas na quarta (29)

98

Repórter: Neide Brandão

Repórter Fotográfica: Carla Cleto

O Hospital Geral do Estado (HGE) recebeu 204 usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) na quarta-feira (29). Destes, 158 foram casos clínicos (77,4%), 42 envolveram acidentes, sendo 27 acidentes casuais, 12 de trânsito e três de trabalho. Também foram atendidas no HGE, duas agressões, uma queimadura e uma tentativa contra a própria vida.

Já na Unidade de Urgências para Síndromes Gripais (UUSG), dos 166 atendimentos foram realizados 129 testes rápidos, onde 126 deram negativos e três positivos para o novo coronavírus.

Paulo Teixeira, médico e gestor do HGE, ressaltou que entre os atendimentos clínicos da emergência, a hemorragia digestiva alta (HDA) retrata os atendimentos mais graves referentes a saúde digestiva. Muitas vezes ela acontece por varizes do esôfago, doença com alta morbidade, caso não seja  tratada adequadamente.

“A hemorragia digestiva alta se origina das partes superiores do trato digestivo (boca, faringe, esôfago, estômago e duodeno). Em sua forma aguda é uma emergência que implica em risco potencial de vida. É cerca de quatro vezes mais comum que o sangramento do trato digestivo inferior e é uma das principais causas de morbidade e mortalidade”, referiu o médico.

Foram concedidas ainda no HGE, 203 altas médicas, 39 internações e 14 transferências. Também foram contabilizados 13 procedimentos cirúrgicos.

Fonte: Saúde Alagoas

COMPARTILHAR